Como ser confeiteiro profissional – dicas fantásticas

O confeiteiro é responsável por criar e reinventar receitas de bolos, tortas e doces confeitados em geral, transformando em obras saborosas e açucaradas que todo mundo gosta!

Por isso é de extrema importância que a pessoa que deseja trabalhar como confeiteiro seja criativa e perfeccionista.

Se você tem interesse na profissão de confeiteiro, fique nessa página com a gente, pois preparamos um ótimo conteúdo para ajudar em sua caminhada rumo ao sucesso!

Vale a pena trabalhar como confeiteiro?

Vale a pena trabalhar como confeiteiro?

Trabalhar em uma confeitaria é a certeza de uma profissão que sempre vai existir. Bolos, tortas e doces fazem sucesso desde que o mundo é mundo.

Portanto, o sucesso como confeiteiro só irá depender do seu esforço e desempenho, pois ser um confeiteiro, assim como qualquer outra profissão, requer muita dedicação!

O salário de um confeiteiro tem uma variação e pode ir de R$ 1.500 até R$ 3.000,00 por mês, dependendo da confeitaria onde você irá trabalhar e da sua experiência profissional.

Se você optar por abrir sua própria confeitaria, os ganhos podem ser maiores. Porém tudo irá depender da sua disponibilidade para o projeto, paciência para fazer clientela e tempo de atuação.

É comum hoje em dia muitos confeiteiros trabalhando como autônomos, indo de porta em porta vendendo cupcakes e bolos no pote, por exemplo. Muitos desses profissionais conseguem excelentes resultados usando essa estratégia.

Vale a pena sim trabalhar como confeiteiro, desde que você goste realmente e não entre na profissão somente pelo dinheiro, e sim pelo prazer de estar na cozinha preparando seus doces!

Como ser um confeiteiro de sucesso

Como ser um confeiteiro de sucesso

Para alcançar o sucesso em qualquer profissão que seja, é preciso muita disciplina e dedicação. Para você ser um confeiteiro de sucesso não é diferente!

Uma outra dica para você ter sucesso e ser um confeiteiro profissional é: ame sua profissão e faça com muito brilho nos olhos, pois trabalhar com alguma coisa somente pelo retorno financeiro é perda de tempo e de saúde!

Quando você trabalha com essa vontade de mostrar qualidade aos clientes, eles percebem e dão ainda mais valor em seus produtos e serviços. Se sentir feliz pelo resultado do seu trabalho já te ajuda bastante a não desistir de passar pelos obstáculos que possam surgir pelo caminho.

Estudar também sempre contribui para o sucesso como confeiteiro, pois quanto mais você estudar e se qualificar, mais você estará apto para oferecer novidades e melhores produtos aos clientes. Outro fator importante é a organização, pois os trabalhos de confeitaria têm várias etapas e tudo organizado fica mais fácil!

O estudo e capacitação se aplica tanto para o confeiteiro que deseja trabalhar por conta própria e também para aquele que deseja trabalhar como funcionário em uma empresa dessa área. Então, nunca pare de estudar sobre sua profissão, aprendendo técnicas e novas receitas!

Caso queira ser um confeiteiro autônomo, aconselho que invista principalmente no marketing do seu negócio para fazer com que seus confeitos sejam conhecidos pelo máximo de pessoas possível!

Essas são as dicas que damos para fazer com que você seja um bom confeiteiro  e tenha sucesso, fazendo com que seja reconhecido e solicitado sempre que o assunto for confeitos em geral.

Curso de confeiteiro

Curso de confeiteiro

Primeiramente é importante dizer que fazer um curso de confeiteiro é necessário somente para aquela pessoa que deseja investir na profissão e não tem conhecimentos na área, mas se você tem bastante conhecimento autodidata (aprendeu por conta própria), não se preocupe em fazer cursos.

Por outro lado, quem procura oportunidade para trabalhar como confeiteiro e não tem conhecimentos, deve se matricular em um curso de gastronomia e se especializar em doces.

O curso é disponibilizado como tecnólogo, onde conta com uma duração mais curta que tem em média 2 anos de duração.

A graduação em gastronomia irá te fornecer todo o suporte para que você se torne um confeiteiro profissional. É no curso também que você irá aprender e ter noções sobre empreendedorismo para abrir seu próprio negócio, segurança e higiene na cozinha para preparar seus produtos.

O intercâmbio durante o curso com professores e alunos em sala de aula também poderá te ajudar a ingressar no mercado de trabalho nas confeitarias, onde você poderá construir seu networking.

Caso não queira fazer um curso técnico em gastronomia para trabalhar especificamente com confeitarias, você pode fazer cursos livres e online específicos na área. Geralmente são cursos mais curtos e que vão direto ao ponto.

Vagas de emprego para confeiteiro

Vagas de emprego para confeiteiro

Ao concluir seus estudos e capacitação para se tornar um bom confeiteiro, se você não tiver contatos para trabalhar em uma confeitaria, poderá frequentar as confeitarias de sua cidade para conhecer melhor o funcionamento e o ambiente de trabalho, e também quem são os responsáveis pela contratação.

Pesquisando pela internet também é possível consultar vagas de empregos para confeiteiros iniciantes e mais experientes. Já fizemos isso pra você, confira abaixo os sites que divulgam vagas de empregos em confeitarias:

Para aumentar as chances de conseguir um emprego como confeiteiro, envie seu currículo destacando suas principais habilidades e competências, e se possível, coloque também algumas experiências que você já teve na área.

Quanto ganha um confeiteiro

Quanto ganha um confeiteiro

Para saber quanto ganha um confeiteiro, precisamos saber das variáveis que se aplicam, os dois principais pontos que podem julgar o salário de confeiteiro são essas abaixo:

  • Confeiteiro iniciante ou experiente
  • Confeiteiro autônomo ou funcionário

É claro que um confeiteiro experiente ganha um salário melhor que um iniciante. E essa experiência você consegue na sua própria casa, testando receitas e fazendo bolos e doces para festas de amigos e familiares, por exemplo. Procure documentar tudo que você fizer como confeiteiro(a), postando seus trabalhos nas redes sociais.

Em geral, um confeiteiro autônomo ganha mais que um funcionário de confeitaria, entretanto, tem mais responsabilidades (funcionários, fornecedores, etc).

O salário de um confeiteiro é em média R$ 1.500,00 por mês, porém, em algumas capitais, esse valor pode chegar até R$ 3.000,00 para quem possui uma boa qualificação e experiência na área de confeitarias.

Se você deseja ser um confeiteiro que trabalha por conta própria, pode começar tendo um faturamento de R$ 1.500,00 e podendo chegar até os R$ 10.000,00 por mês, mas pra isso, é preciso muito investimento em marketing e capacitação profissional.

O investimento na profissão de confeiteiro vale muito a pena, principalmente se o profissional quiser incrementar, realizando cursos de diversas especialidades, incluindo panificação, recheio de doces, embalagens personalizadas… pois isso agrega bastante no currículo, já que poucos são os profissionais que buscam por qualificação.