Profissão de advogado

Você que estudou muito na faculdade de Direito para se tornar um bom Advogado e se esforçou para conseguir a tão sonhada carteira da OAB, agora se encontra num dilema: o que fazer para ter sucesso trabalhando como advogado?

Saiba que a profissão de advogado possui um vasto campo de atuação, que pode ser desde trabalhar como autônomo fazendo sua própria carteira de clientes, ou em um emprego fixo trabalhando como funcionário em grandes escritórios de advocacia.

Por ser uma carreira difícil, as dicas abaixo podem fazer com que você se diferencie dos demais colegas advogados e tenha sucesso!

3 dicas para ser um advogado de sucesso

Dicas para ser um advogado de sucesso

Para trabalhar como advogado e ser bem sucedido na profissão, o profissional precisa mais que ser aprovado no exame da OAB. Vai além disso, e vamos te ajudar agora!

Confira algumas dicas para se dar bem trabalhando como advogado e brilhar muito nessa carreira tão glamourosa. São dicas preparadas com muito carinho, então, fique com a gente que você vai gostar!

1) Seja um advogado especialista em uma área

Um advogado recém formado e com a carteira da OAB em mãos, quer mostrar serviço e ganhar dinheiro para recuperar o valor que investiu durante a faculdade. Isso não é errado, é muito justo!

Mas por ser recém formado, o profissional ainda não tem experiência suficiente para advogar com excelência e consequentemente ganhar várias causas e ser reconhecido por seu trabalho.

Esse profissional ainda precisa trabalhar muito para ser um bom advogado, concorda?

É aqui que entra a primeira e mais importante dica para ser um advogado de sucesso e ser disputado por qualquer escritório de advocacia: tenha foco e seja um advogado especialista em uma área!

Dentre as várias áreas de atuação de um advogado, escolha a que você mais tenha afinidade e estude ela ao máximo. Quer ser um advogado trabalhista? Então seja o melhor! Mas não seja um advogado trabalhista, civil, penal, tributário, INSS…). Entendeu?

Isso é uma forma de criar um nome forte no mercado. Com o passar do tempo você pode sim se especializar em outras áreas ou até mesmo contratar advogados especialistas em outras áreas para trabalhar pra você em seu escritório, mas por enquanto, tenha foco em apenas uma área.

2) Faça parcerias com outros advogados

Suponhamos que você seja um advogado trabalhista como no exemplo acima, mas tenha parceria com algum advogado tributário, esse advogado tributário pode te indicar para possíveis clientes que precisem de serviços jurídicos da área trabalhista e você pode ser o profissional indicado.

Você como um bom profissional, pode fazer o mesmo e indicar clientes para o advogado que te indicou. Uma mão lava a outra!

Imagine você fazendo parceria com diversos escritórios de advocacia e com profissionais autônomos da área jurídica? É questão de tempo para crescer, se tornar um advogado reconhecido e disputado por vários escritórios da cidade, conseguindo sucesso na carreira de advogado, ou como falamos antes, trabalhando como autônomo.

Não é possível fazer nada sozinho. Portanto cerque-se de advogados experientes e também advogados iniciantes. É sempre bom contar com conselhos e ajuda de profissionais de direito, seja professores ou colegas da faculdade. Mantenha contato e construa um bom networking.

3) Ofereça serviços advocatícios gratuitos

Como assim? Me formei e vou ter que trabalhar como advogado gratuitamente, sem receber?

Calma! Após a conclusão do curso de direito, você pode oferecer serviços para um bom escritório de direito da sua área de atuação (não se esqueça da primeira dica).

Oferecendo seus serviços de forma gratuita, você irá entrar em contato com o mundo jurídico e consequentemente irá ganhar experiência na área em que deseja trabalhar.

Esses serviços voluntários podem ser feitos em uma ou duas horas por dia, e acredite, você pode ser efetivado como advogado do escritório em que se disponibilizou para trabalhar de forma gratuita, se tornando um advogado contratado ou até se torando sócio.

Uma outra dica que se encaixa nessa dica, é trabalhar como advogado em causas beneficentes, também dedicando poucas horas em somente alguns dias da semana.

Quanto ganha um advogado?

Quanto ganha um advogado

Essa pergunta não é fácil de responder, afinal, será que o salário de um advogado que defende aqueles políticos corruptos é o mesmo salário que um advogado trabalhista de alguma cidade do interior? Acredito que não!

Para saber quanto ganha um advogado, é preciso ter as respostas para algumas perguntas:

  1. Qual o público alvo do advogado
  2. Qual a especialização
  3. Cidade e Estado de atuação
  4. Se possui causas ganhas
  5. Quanto tempo de carreira
  6. Se tem ou não padrinhos na área
  7. Trabalhar no setor público ou privado

Esses são só alguns fatores que definem a remuneração que um advogado pode ter em sua carreira, existem outros detalhes, mas não precisamos nos estender.

Não é possível falar exatamente quanto ganha um advogado, mas é possível falar a média salarial de um profissional da área da advocacia. Vamos lá!

A consultoria Michel Page fez um estudo onde aponta que um advogado tem um salário inicial de R$ 3.000,00 a R$ 6.500,00 mensais. Mas, vale ressaltar que esse valor pode ser menor ou muito maior dependendo dos fatores já citados nesse tópico.

Vagas de emprego para advogado

Vagas de emprego para advogado

Além do conteúdo acima, onde damos dicas para você ser um advogado bem sucedido trabalhado em escritórios de advocacia, você pode enviar currículos diretamente para eles, e também envia-los para sites de emprego.

Os sites abaixo, podem dar uma forcinha para o bom profissional que está buscando por vagas de emprego como advogado.

Conheça dois sites que divulgam oportunidades de emprego para advogados:

Muitos advogados pensam que vão comprar bons ternos, abrir um escritório e receber centenas de clientes logo após a formatura na faculdade. Infelizmente as coisas não são tão fáceis! É preciso muita humildade para crescer e ter sucesso na carreira da advocacia.

Saiba que toda experiência é válida e contribui bastante para seu crescimento profissional como advogado.